Deusas Fluviais – Boann

Boann, a Sempre Cheia, um de seus nomes de acordo com o Dindsenchas, é a deusa tutelar do Rio Boyne na Irlanda, a maior bacia hidrográfica do país. Boann dá também seu nome ao maior monumento megalítico do país e da Europa, o Brugh na Boinne, ou NewGrange, construído em torno de 3200 antes da Era Cristã, durante o período neolítico, o que denota um culto pré-céltico a esta deusa. Estudos arqueológicos apontam que uma grande união e movimentação entre tribos de várias localidades da ilha foi necessária para a sua construção, demonstrando a coesão religiosa que havia entre os povos que habitavam a Irlanda então.

O vale da deusa Boann tinha importância vital para a agricultura, economia, religião e coesão social daquele país desde o Neolítico até os primeiros séculos da era cristã, como permite concluir a amplitude de culturas agrícolas ali praticadas e os restos de sacrifícios e presentes entregues aos deuses em rituais em torno dos monumentos megalíticos ao longo de milênios. O vale não só conta com o NewGrange, mas com um complexo megalítico que envolve algumas dezenas de monumentos e Fairy Mounds ligados pelo folclore aos Tuathá de Dannan e outras deidades, entre elas Lugh, Cailleach e Fand.

O mito em torno de Boann nos conta que a deusa era esposa de Nuada (Nuadu/Elcmar), quando o traiu com o Dagda, o Pai de Todos, deus do tempo, clima, magia, entre muitas outras coisas. Do adultério nasceu o Deus Oengus, o jovem, mais tarde senhor do Brugh na Boinne. E para que Nuada não descobrisse a traição da esposa e para afastar dela e do bebê a sua ira, o Dagda lançou um feitiço que fez com que nove meses se passassem em um dia e uma noite, sem que ninguém percebesse. Assim, quando Nuada retornou a casa, a concepção, gestação e nascimento de Oengus já havia se dado, e o Dagda levara o recém nascido de lá em segurança.

Algo não tão sabido quanto este mito, é que outro dos nomes de Boann é Segais, a Sábia, o mesmo nome da Fonte da Sabedoria, de onde seu rio e os outros 6 rios mais importantes da Irlanda nascem. A Fonte, nos diz o mito, pertencia a Nuada, mas é provável que tenha sido dada a ele como dote de casamento com a deusa. De qualquer forma, o mito continua dizendo que após o parto, Boann foi até a fonte para banhar-se, no intuito de purificar-se. No entanto, a Fonte da Sabedoria rejeitou-a por conta do adultério cometido e puniu-a destruindo seu corpo em uma enxurrada que a transformou em rio, criando assim o Rio Boyne.

Os pontos fundamentais a se assinalar no mito de Boann são a criação de um rio vinculado à sabedoria através de um sacrifício (que o leitor vai se lembrar se leu o texto anterior sobre a deusa Sinand), o adultério e a fertilidade expressa na gravidez e nascimento do deus Oengus. O seu nome, Boann, pode ser traduzido como Vaca Branca, ou A que possui muito gado. Animal também vinculado à fertilidade, à dádiva do leite e força motriz do período céltico e neolítico.

Mais uma vez vemos um mito celta de uma deusa que precisou morrer, transmutar a sua forma, para dar origem a uma nova forma de vida sagrada e essencial à sobrevivência de todo o ecossistema da região aonde está inscrita. A deusa se vê entre dois deveres, o de honrar o esposo e o de dar a vida ao mundo. Do ponto de vista teológico, ela opta por trazer a vida ao mundo, assumindo sua função sagrada de deusa da fertilidade. Assim, ela se reproduz e transmuta-se no grande rio em torno do qual foi possível a fixação da vida humana e da cultura agrícola neolítica naquele país.

Boann é, portanto, a Deusa da Soberania do Vale do Boyne. Ela é a rainha do vale, troca o consorte deposto, Nuada (que perdera a mão na Batalha de Mag Tuireadh e por isso foi afastado do trono), por Dagda, o Deus igualmente fértil, viril, Pai de Todos e senhor do tempo e do clima, que ele ordena ao tocar sua harpa, Carvalho de Duas Floradas.

Ela é, portanto, Deusa Fluvial, Deusa da Soberania sobre todo um vale, Deusa da Fertilidade e, igualmente sábia na sua condição de artífice do Rio e da fertilidade do Vale.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close